Diga sim ao verão e não aos mosquitos!

Como proteger o bebê dessas companhias incomodas que nos visitam no verão.

file

Os mosquitos estão presentes praticamente no mundo inteiro; as alterações climáticas e a úmidade aumentaram a sua proliferação. Algumas espécies estão ativas mesmo durante o dia. Nas nossas latitudes, as picadas de mosquito são inofensivas; no entanto nos incomodam, especialmente para o bebê. Podemos protegê-los com repelentes cuja formulação seja específica para crianças: o melhor mesmo é serem à base de extratos de plantas que não irritam a pele. Basta aplicar uma camada fina de repelente na pele da criança, sem saturá-la e evitando qualquer contato com os olhos e a boca.

Em casa, podemos proteger a cama do bebê com um mosquiteiro de rede fina; no exterior, durante os passeios, podemos utilizar um mosquiteiro para o carrinho. Podemos tomar algumas precauções para tentar manter os mosquitos afastados: devemos evitar pratos cheios de água parada nos parapeitos das janelas de modo a não atraí-los, bem como evitar usar perfumes intensos que parecem atraí-los. Assim é possível desmotivar esses convidados indesejados e proporcionar à criança um verão sem “...zzzzzzzzzz...”!